As PMEs vivem muito à custa do carácter empreendedor do dono.
A focalização no negócio, seja por motivos de ambição seja por sobrevivência, a centralização do poder como forma de assegurar o controlo da organização e as dificuldades de manter estes modelos à medida que a empresa cresce leva a que muitas PMEs não consigam aguentar-se no mercado.
Esta mesa visa discutir o contributo que uma visão holística dos processos a nível estratégico, operacional e tecnológico pode dar para preparar as PMEs para a transformação digital.

back-icon